Agricultores recebem capacitação da EPAGRI

Foi realizada no dia 27/10 (sábado), no auditório da Prefeitura Municipal de Pomerode, uma palestra com o foco na criação de terneiras, ministrada pela Engenheira Agrônoma da EPAGRI, Eneide Barth, para um grupo de 24 agricultores dos municípios de Pomerode, Blumenau, Indaial, Doutor Pedrinho e Rio dos Cedros.

O tema abrangeu cuidados e boas práticas, desde o final da prenhez da vaca, nascimento da terneira(o), desenvolvimento dessa terneira até a parição de uma nova cria. Alguns aspectos como parto distócico (dificuldades de parto) e hipocalcemia (conhecido como vaca caída) também foram abordados.

"Os dados preliminares do Censo Agropecuário de 2017 revelam que ainda há um rebanho leiteiro considerável na área de abrangência da GRB (Ascurra, Benedito Novo, Blumenau, Doutor Pedrinho, Gaspar, Ilhota, Indaial, Luiz Alves, Pomerode, Rio dos cedros, Rodeio e Timbó). Parte do leite produzido é para autoabastecimento, mas muito ainda é vendido. Esses são os dados do IBGE. Os 12 municípios tem cerca de 3622 vacas ordenhadas produzindo 8.739.000 litros de leite, dos quais 4.393.000 litros são comercializados de alguma forma.  Existem diversas queijarias na região, algumas pequenas, mas outras maiores. Algumas delas buscam leite de fora, pois para queijo o leite da região não atinge os parâmetros ideais de gordura e proteína", explica a Engenheira Agrônoma referindo-se aos benefícios da capacitação. 

A palestra faz parte do planejamento do projeto, da EPAGRI, de pecuária leiteira, que é desenvolvido microrregionalmente, envolvendo Pomerode, Rio dos Cedros, Blumenau e Benedito Novo. "As iniciativas com trabalhos na pecuária leiteira vêm desde 2014. Ao longo desse tempo vem-se procurando trabalhar a qualificação dos produtores e da produção de leite. Já trabalhamos temas como produção de mudas, higiene da ordenha, regulagem de ordenhadeira mecânica, implantação de piquetes, etc. Produtores também foram beneficiados pelo SC Rural.  Além disso, ele converge com outro trabalho realizado na região, que é a valorização do queijo Kochkaese, que é um produto tradicional da cultura alemã", complementa Eneide Barth.

Foto: Divulgação - Ascom / Prefeitura de Pomerode

Fonte: Divulgação - Ascom / Prefeitura de Pomerode

Data: 01/11/2018
2017 - Todos os Direitos Reservados à Rádio Pomerode.
Site desenvolvido por:
Alho-poró e DM System